Bem-vindo ao Grupo Vio Móveis para Escritório
Normas Regulamentadoras
Normas Regulamentadoras

Empresas como escritórios e industrias devem seguir Normas Regulamentadoras (NRs) conforme os móveis que possui

Previna multas no ambiente de trabalho

Todo dono de negócio deve estar ciente sobre as multas que podem ser aplicadas em seu espaço de trabalho. Escritórios e industrias são ambientes propícios para a geração dessas multas, por isso espaços de trabalho devem seguir as regras conforme os móveis que possui.

Todos os móveis para trabalho devem seguir regras ergonômicas e o descumprimento delas geram multas conforme a legislação. As analises ergonômicas costumam ajudar os proprietários e até mesmo os funcionários na hora da escolha e adaptação às regras, para isso é preciso estar atento elas.

Fique atento às normas (NRs)

As Normas Regulamentadoras (NRs) estão na Legislação de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional no Brasil. Elas foram criadas com o objetivo de proteger a saúde e segurança do trabalhador e devem ser cumpridas tanto pelos setores privados como pelos públicos.

A NR 17 e a NR 24 são as mais ligadas aos móveis e apresenta regras essenciais para o trabalho em um escritório. Fique atento às normas (NRs)

Norma Regulamentadora - NR 17

A NR 17, por exemplo, apresenta algumas regras que são feitas para os móveis de escritório, principalmente no item 2: Mobiliário do Posto de Trabalho. Elas são referentes ao trabalho manual sentado ou que tenha de ser feito em pé, que deve ser proporcionado ao trabalhador mobiliário. Entre as obrigações estão: que o monitor de vídeo e o teclado devem estar apoiados em superfícies com mecanismos de regulagem independentes de, no mínimo, 26 (vinte e seis) centímetros no plano vertical;

A bancada sem material de consulta deve ter, no mínimo, profundidade de 75 (setenta e cinco) centímetros medidos a partir de sua borda frontal e largura de 90 (noventa) centímetros que proporcionem zonas de alcance manual de, no máximo, 65 (sessenta e cinco) centímetros de raio em cada lado, medidas centradas nos ombros do operador em posição de trabalho.

A bancada com material de consulta deve ter, no mínimo, profundidade de 90 (noventa) centímetros a partir de sua borda frontal e largura de 100 (cem) centímetros que proporcionem zonas de alcance manual de, no máximo, 65 (sessenta e cinco) centímetros de raio em cada lado, medidas centradas nos ombros do operador em posição de trabalho, para livre utilização e acesso de documentos; entre outras regras.

Todas elas podem ser acessadas aqui neste link

Norma Regulamentadora - NR 24

A NR 24 apresenta as condições sanitárias e de conforto nos locais de trabalho, entre essas regras estão inseridos os armários, mais conhecidos como lockers. As regras nos colocam que são obrigatórios o uso desses armários por todos e que eles poderão ser de aço ou de madeira, individuais, e deverão ter as seguintes dimensões mínimas: 0,60m de frente x 0,45m de fundo x 0,90m de altura.

Todas elas podem ser acessadas aqui neste link

Todo empregador e empregado precisa estar atento à legislação vigente sobre a segurança, entre elas está a obrigatoriedade sobre a realização da análise ergonômica.

Análise ergonômica

Para estarem de acordo com as regras, os móveis devem passar por uma análise ergonômica minuciosa.

Esse estudo inclui além da postura do funcionário, a sobrecarga de peso que ele carrega, as máquinas que manuseia, os movimentos repetitivos, a iluminação, os ruídos e ventilação no local, além de fatores que servem para prevenir os riscos de multa e de risco para a saúde do funcionário.

O não cumprimento das regras da NR 17 pode gerar multas de R$6.704,45 a R$ 80.970,00. A partir de janeiro deste ano, o e-Social passou a exigir a análise ergonômica como um requisito obrigatório para todas as empresas.

Norma Regulamentadora Nº 17 - Ergonomia - Ministério do Trabalho
Leia também: Os três principais benefícios de móveis ergonômicos para o seu escritório.